Roteiro de 4 dias em Ibiza e Formentera

Para quem me conhece pelo menos um pouco, a primeira pergunta que me faz quando eu digo que fui para Ibiza é: como você, a pessoa menos baladeira desse mundo foi parar lá? E eu respondo: não sei, mas amei e voltaria mil vezes! rs

De fato, a ideia que todos tem sobre Ibiza é de que é um lugar exclusivo para quem gosta de baladas pesadas, mas para a minha surpresa percebi que não, ou pelo menos não somente…

Eu estive em Ibiza no pico do verão europeu, em agosto de 2017 com uma amiga que me convidou para ficar na casa de um amigo dela que estava morando lá. Como uma oportunidade dessas não se recusa, aproveitamos um feriado aqui em Paris para dar uma escapada até a praia.

Fiquei 4 dias na ilha, dos quais 1 em Formentera (para quem não conhece, Formentera é uma pequena ilha perto de Ibiza que também é muito famosa pelas suas praias) e os outros 3 pulando entre várias praias em Ibiza.

WhatsApp Image 2018-01-25 at 16.04.53
Formentera

Chegamos na ilha na sexta a noite e do aeroporto pegamos um táxi direto para o apartamento onde ficaríamos. Para ir do aeroporto ao centro você pode pegar um táxi bem na frente da saída do desembarque. Como era alta temporada o volume de táxi era grande e foi super fácil!

DIA 1

Acordamos cedo para ir à Formentera!  Para chegar lá (a não ser que você tenha ou alugue um barco) a melhor opção é a ferry. Nós compramos o bilhete online com antecedência, pois não queríamos correr o risco de perder o dia, mas chegando na marina percebemos que existem algumas empresas que fazem o trajeto com frequência e que é fácil comprar ingresso na hora.

De qualquer forma, se você não tem muito tempo e quer garantir seu planejamento, é melhor comprar antecipado. O bilhete de ida e volta custou 40 euros por pessoa, mas dependendo do horário e tipo de barco pode variar. Isso porque existem barcos mais rápidos e outros menos. Nosso trajeto, num barco tipo ferry jet (o mais rápido) durou 35 minutos e é super tranquilo e confortável. Compramos com essa empresa: www.trasmapi.com

Formentera é uma ilha pequena, mas você precisa de um meio de transporte para ir de uma praia à outra. Pesquisamos bastante antes de ir e decidimos alugar um quadriciclo, já que estávamos em duas pessoas. Mesmo tendo pesquisado bastante antes da viagem, essa foi a única coisa que eu teria feito diferente, pois como era alta temporada a entrada de acesso à algumas praias com quadriciclo estava proibida.

Por isso, no nosso caso acabamos passando o dia na Playa Illetes, que é uma das mais conhecidas e de fácil acesso de ônibus também. A praia é linda, de água transparente e areia super branca! No final da tarde almoçamos no restaurante Juan y Andrea que havíamos reservado com antecedência e foi uma delícia! O restaurante fica de frente pra praia, pé na areia  e a comida é deliciosa!

 

WhatsApp Image 2018-01-25 at 16.04.53 (1)
Playa Illetes – Formentera

Então se você quer  incluir Formentera no seu roteiro e quer evitar alguns problemas, anote essas dicas e considerações:

  • 1 dia na ilha é corrido! Sugiro que você fique pelo menos 2 dias para poder aproveitar com calma.
  • Se você decidiu fazer um bate volta como eu, saiba que será preciso escolher 1 ou 2 praias no máximo para conhecer.
  • Chegue cedo nas praias para poder estacionar.
  • O melhor meio de transporte vai depender do seu orçamento e quantidade de pessoas no seu grupo. Pela minha experiência eu escolheria carro ou scooter. No entanto, se você quiser se virar sozinho, perto de onde chega o barco é possível pegar um ônibus que te levará para as praias principais. Não é muito complicado e sai mais em conta.
  • Se você não gosta de muvuca, evite a alta temporada (agosto)!

Nessa noite em Ibiza jantamos num dos restaurantes da marina, Cappuccino, e foi uma delícia! Além da comida ser muito boa, a vista é maravilhosa. Vale a pena!

DIA 2

Se alugar um quadriciclo em Formentera foi a pior ideia da viagem, alugar um carro para rodar por Ibiza foi a melhor delas!

Acordamos cedo e fomos retirar nosso carro alugado na Europcar para então pegar a estrada e começar a explorar as praias mais conhecidas da ilha.

As estradas não são ruins, então não tenha medo de pegar um carro simples, mas lembrando que o ar condicionado vai sempre valer a pena!

Nesse dia passamos por 3 praias: Playa d’Hort , Sa Caleta e Playa Jondal.

Playa d’Hort é linda, pequena, mas com um visual incrível da ilha de Es Vedra, uma pequena ilha que é famosa por suas lendas misteriosas.

WhatsApp Image 2018-01-25 at 16.05.30
Playa d’Hort – Ibiza

Em Playa d’Hort, como em todas as praias de Ibiza, tem uma parte particular que pertence aos famosos beach clubs (que para conseguir uma cadeira de praia e/ou guarda sol é preciso pagar) e um  espaço “público” para aqueles que querem ficar livre disso e simplesmente estender sua canga direto na areia. A vista é a mesma!

Ficamos a manhã toda nessa praia e no começo da tarde passamos pela Praia Sa Caleta, mas não gostamos muito pois estava muito cheia e sem comparação de beleza com a Playa d’Hort, então seguimos para a Playa Jondal.

A Playa Jondal quase não tem lugar para ficar fora da estrutura dos beach clubs, isso porque a faixa de areia é pequena. Mas de qualquer forma conseguimos um cantinho para esticar nossa canga e dar um mergulho. E vale super a pena, pois a praia é linda!

WhatsApp Image 2018-01-25 at 16.09.20
Playa Jondal

Fora o fato de ser linda, essa praia é muito conhecida por ter 2 beach clubs bem famosos: O Blue Marlin e o Yemanjá. Os 2 são grudados um no outro e sinceramente não vi muita diferença entre eles. Nós escolhemos o Yemanjá para almoçar (fizemos reserva com antecedência) e adoramos! A comida (pedimos a famosa Paella) estava muito boa!!! Vale a pena! Vale dizer que a maioria dos beach clubs tem estacionamento, o que facilita para quem está de carro.

Ibiza, na alta temporada, tem programação de festas todas as noites e os DJs mais famosos tocam 1 dia fixo por semana em alguma balada. Por isso, se você faz questão de ir no show de algum DJ específico é importante verificar o dia que ele toca para se planejar com antecedência.

Nessa noite nós escolhemos ir no show do Kygo, que nesse verão tocou todos os domingos no Ushuaia, que é um hotel também. Sinceramente eu adorei esse show! O lugar é ao ar livre (no espaço da piscina do hotel) e começa às 17h da tarde (o Kygo mesmo só começou a tocar umas 22h). O clima é legal e cada um vai vestido como quer (alguns mais arrumados, outros com roupa de praia, etc). O ingresso custou 55 euros (compramos online) e vale ressaltar que a bebida lá dentro é cara (Heineken mais cara da história: 13 euros).

DIA 3

Esse foi o dia de conhecer  a Playa Salada, Playa Conta e a Pacha!

Quando chegamos na Playa Salada o estacionamento que fica mais próximo da praia estava lotado. A opção era estacionar num estacionamento um pouco mais distante, mas onde passa um ônibus a cada 20 minutos mais ou menos que te leva para a praia. Parece complicado mas não é. E vale a pena!

A praia é pequena, mas muito bonita, com tons de verde e azul maravilhosos! No entanto, é preciso dizer que é uma praia de pedra e que não é tão confortável de deitar ou andar.

WhatsApp Image 2018-01-25 at 16.12.00
Playa Salada

Passamos a manhã nessa praia e no começo da tarde fomos para a Playa Conta, que é famosa pelo seu pôr do sol. Nessa praia almoçamos no restaurante Sunset Ashram (também reservamos com antecedência) que é menos chique em comparação aos outros em que fomos, mas que não perde na qualidade da comida. Muito bom!

Depois do almoço deitamos na areia e ficamos até o sol se pôr, o que vale muito a pena pois as pessoas estão lá todas reunidas para assistir esse momento e a energia é muito gostosa.

WhatsApp Image 2018-01-25 at 16.13.43
Sunset na Playa Conta

Isso foi numa segunda feira, que é o dia da Famosa festa “Flower Power” da Pacha.

Ao contrário de outras noites que tem DJ’s residentes que fazem a noite um pouco mais “pesada”, essa noite é focada nos anos 80! A ideia é super legal! As pessoas vão fantasiadas, a decoração é super simpática e a música também! Para voce que não sabe quem é Solomun (DJ residente de domingo) mas que quer conhecer a Pacha de qualquer forma,  acho que é a festa mais indicada!

DIA 4

Nesse último dia aproveitamos para conhecer o centro da cidade de Ibiza, que é uma graça, principalmente a parte que fica no alto da colina, dentro das muralhas.

Vale a pena subir a pé, com calma e ir olhando as ruazinhas cheias de lojinhas e restaurantes. Muito simpático! Por se tratar de uma colina, pense duas vezes antes de se hospedar lá dentro, a não ser que os hotéis ofereçam algum esquema de transporte.

Nesse último dia, antes de embarcar de volta para Paris, almoçamos no restaurante El Chiringuito, que fica na praia de Es Cavallet e foi muito bom como todos os outros restaurantes em que fomos.

DICAS PRÁTICAS:

Onde se hospedar?

Vai depender do que você procura! Ficar no centro de Ibiza é mais prático e tem mais infraestrutura, além de estar mais próximo do aeroporto.

No entanto, também é uma opção se hospedar em alguma praia mais tranquila caso alugue carro, assim vai conseguir se locomover tranquilamente pela ilha e conhecer as outras praias. 

Quanto tempo ficar?

Ibiza não é uma ilha grande, mas tem bastante coisa para fazer! Nós ficamos 4 dias e não conseguimos ver tudo o que queríamos, então o ideal para aproveitar com calma seria 4 dias inteiros somente para Ibiza e 2 para Formentera, mas se você ficar mais tempo não vai ficar entediado. Eu te garanto!

Onde comer?

Antes de ir fizemos uma boa pesquisa de restaurantes e pegamos indicação com algumas pessoas e os restaurantes que citamos no post foram os mais indicados e aprovados depois por nós mesmas! Mas cada praia tem seu restaurante mais conhecido, entre outros famosos que você encontra no centro.

O que concluir desses 4 dias em Ibiza?

Como eu disse no começo do post, Ibiza não é só para balada. As praias são lindas, os restaurantes são ótimos e tem balada para todos os gostos! Além disso, fiquei surpresa com o número de famílias com filhos que escolhem a ilha para passar as férias. Resumo do jogo: é um excelente destino para todos os perfis de viajantes. Você só precisa descobrir a Ibiza ideal para você!

Bisous!

Bio Zilka Saleh
WhatsApp Image 2017-12-09 at 14.07.43Oi! Eu sou a Zilka! Nasci e vivi em São Paulo minha vida toda até que uma (baita) oportunidade me trouxe para trabalhar em Paris no final de 2015. Desde que me mudei para Paris me descobri apaixonada por viagens e gastronomia e procuro constantemente explorar cada cantinho da Cidade Luz, essa cidade tão linda que tenho o privilégio de chamar de “casa”. O que mais gosto de fazer em Paris? Difícil escolher entre tantas coisas, mas estou sempre procurando explorar a cultura francesa, conhecer cantinhos novos e, claro, provar da culinária local! Lugares e coisas que estão na minha lista? Ver a aurora boreal, explorar todos os cantos da Toscana e conhecer o Japão!

Anúncios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.