Alhambra: dicas para visitar o maior tesouro de Granada

Se estiver programando uma viagem pela região da Andaluzia no sul da Espanha, a cidade de Granada não pode ficar de fora do seu roteiro.

img_8176
Granada

A cidade foi a primeira a ser ocupada pelos mouros e guarda monumentos muito importantes, dentre eles a incrível Alhambra, uma das atrações mais visitadas da Espanha!

img_8138
Alhambra

Clique aqui pra conferir o que ver em Granada.

O QUE É A ALHAMBRA?

O complexo de Alhambra foi construído na cidade durante o governo da dinastia Násrida (1238 – 1492) e é uma fortaleza que abriga diversos palácios, torres e jardins lindamente decorados com arte islâmica. 

img_8228
Alhambra – vista do Mirador San Nicolás

Depois da conquista da região pelos reis católicos, o complexo foi utilizado como prisão e mais tarde, em 1526, o Imperador Carlos V o escolheu como residência e reconstruiu algumas partes do complexo em estilo Renascença.

img_8416
Palácio Carlos V

Ao longo dos séculos seguintes continuou a ser desfigurado por outros governantes e quase que desapareceu por completo durante a ocupação de Napoleão Bonaparte, que tinha a intenção de explodir o complexo.

Em 1984 a Alhambra foi declarada Patrimônio Cultural da Humanidade e constantemente são realizados trabalhos de restauração no complexo.

img_8325
Alhambra

Para garantir ainda a possibilidade de ser visitado por muitas e muitas gerações, o acesso ao complexo é limitado. Há um controle do número de visitantes por dia/período (manhã ou tarde) e por isso mesmo é preciso planejar a visita com antecedência, caso contrário você corre o risco de não conseguir entrar no maior tesouro de Granada.

QUANDO E COMO COMPRAR OS INGRESSOS?

Caso vá ficar mais de um dia em Granada e queira conhecer outros monumentos e museus, uma opção interessante é comprar o Bono Turístico, que oferece descontos em museus, 9 passagens de ônibus, um dia de passeio num ônibus turístico pela cidade e entrada para Alhambra sem pegar fila. O Bono Turístico é adquirido direto na cidade e custa 32€ (só o ingresso da visita diurna em Alhambra custa 15,40€). Essa é uma opção…

Porém, caso não se interesse pelo Bono Turístico, é recomendado comprar os ingressos para Alhambra pela internet com pelo menos 1 mês de antecedência. Caso esteja programando a visita durante o verão, entre os meses de Junho a Agosto, o ideal é comprar com ainda mais antecedência, pois é a época que tem mais procura.

O agente para a venda de ingressos pelo preço oficial é a Ticketmaster, clique aqui para acessar o site e comprar os ingressos. Há diferentes tipos de ingressos, como visitas noturnas, visitas com guias especializados etc., vale a pena analisar todas as opções no site deles.

Nós escolhemos o ingresso Alhambra General (15,40€ – nov/16), que é o passeio diurno com acesso à todo complexo, pois por ser a primeira vez que fazíamos a visita, queríamos ter uma visão geral de tudo.

alhambra-general
Escolha do ingresso no site da Ticketmaster

Após selecionar o tipo de ingresso que quer comprar, será preciso escolher o dia da visita e clicar em “iniciar a compra”. Depois é hora de escolher a quantidade de ingressos que quer comprar (limite de 10 por pessoa) e o período da visita.

Como eu disse lá atrás, o acesso de visitantes é limitado, por isso eles controlam a venda de ingressos por períodos, manhã (8h30 – 14h) ou tarde (14h – 20h). Independente do horário que escolher, vale reforçar que o complexo é realmente enorme e a visita dura cerca de 4h, então é importante chegar logo no começo do período, 8h30 ou 14h pra garantir uma visita tranquila.

horarios-alhambra
Escolha do período da visita em Alhambra – site Ticketmaster

Uma vez escolhido o período da visita, a próxima etapa é escolher o horário de visita aos Palácios Nazaríes, que cá entre nós, é o ponto alto da visita ao complexo.

Como você só pode entrar nesses palácios no horário específico agendado, a sugestão é escolher um dos últimos horários do período, pois como o complexo é grande e você pode demorar pra se localizar, não corre o risco de perder o horário da visita. Considere que a visita aos Palácios Nazaríes demora cerca de 1h.

horario-palacios
Escolha do horário da visita aos Palácios Nazaríes – site Ticketmaster

Para concluir a reserva é preciso preencher um cadastro com seus dados pessoais e do cartão de crédito, que deve ser válido até o dia da visita, já que é com ele que conseguirá imprimir os ingressos. Após concluir a operação, se estiver tudo certo, você receberá um e-mail de confirmação informando os dados da compra.

Vale ressaltar que o e-mail recebido serve apenas de confirmação da compra, mas não é o ingresso. No dia da visita será preciso retirar os ingressos…explico o caminho das pedras mais abaixo!

COMO CHEGAR EM ALHAMBRA?

A Alhambra fico no alto de uma colina em Granada e pra chegar lá tem as seguintes opções: táxi, a pé (de 15 a 30 minutos – depende do seu preparo físico e de onde estará hospedado) ou de ônibus – linha C3 (o ponto é em frente a entrada/bilheteria).

Nós subimos a pé em 15 minutos, não achamos cansativo e é bem sinalizado.

COMO RETIRAR OS INGRESSOS?

Você pode retirar os ingressos numa máquina de auto-atendimento num monumento da cidade, o Corral del Carbón na Calle Mariana Pineda 8 (aberto diariamente das 9h as 19h) ou ainda nas máquinas de auto-atendimendo na entrada de Alhambra.

Durante o inverno é bem tranquilo para retirar os ingressos em Alhambra, super vazio, mas durante o verão eles recomendam chegar lá cerca de uma hora antes da visita porque tem sempre muita fila.

img_8297
Máquinas de auto atendimento Alhambra – vazia em novembro

As máquinas de auto-atendimento ficam ao lado da central de informações da Alhambra, e apesar de sinalizado, caso tenha dúvidas para achar é só perguntar a algum funcionário.

As máquinas funcionam nos seguintes horários: de 15/03 a 14/10 – 2016 – das 8h as 20h e das 21h as 22h30 de terça a sábado; de 15/10 a 14/03 – das 8h as 18h e das 19h as 20h30 às sextas e sábados.

Repare na foto abaixo que as máquinas tem cores diferentes. As de cor vermelha, por exemplo, são para retirada de ingressos da visita geral diurna, a azul para visitas noturnas e etc. Esse é o único detalhe pra prestar atenção, pois se tentar imprimir numa máquina que não corresponde ao seu tipo de ingresso, vai aparecer uma mensagem dizendo que não há ingressos disponíveis para o seu cartão de crédito!

img_8298
Máquinas de auto atendimento em cores diferentes para cada tipo de ingresso

Daí é só escolher a opção “Ticket Collection – Retirada de Ticket” e inserir o cartão de crédito válido utilizado na compra pela internet, que a máquina vai imprimir e “cuspir” seus ingressos.

COMO FUNCIONA A VISITA?

img_8300
Alhambra

Uma vez com os ingressos em mãos, vale a pena dar um pulinho na Central de Informações que fica ao lado da sala com as máquinas de auto-atendimento. Lá você pode retirar um mapa gratuitamente e pagar por um audioguia para ter mais conteúdo durante a visita.

img_8301

Outra opção é baixar gratuitamente o App Cooltura no celular, que também oferece informações mais detalhadas em alguns pontos da visita.

img_8380

Antes de sair andando sem rumo, vale a pena se familiarizar um pouco com o mapa. A ordem da visita fica a critério de cada visitante, mas é importante se atentar ao horário da visita aos Palácios Nazaríes.

Nós, por exemplo, escolhemos o período da manhã pra fazer a visita. Chegamos lá por volta das 9h15 e tínhamos agendado a entrada aos Palácios Nazaríes as 12h30. Tínhamos então 3 horas então pra explorar todo o resto do complexo.

Começamos nossa visita pelo Generalife, que era o palácio de verão.

O lugar tem os jardins mais lindos do complexo e incríveis espelhos d’água.

Como o lugar é grande e praticamente todo aberto, é importante ir preparado. No nosso caso foi preciso levar guarda-chuva rs, mas se estiver muito calor é bom levar chapéu e protetor solar.

De lá fomos para o Partal, área que inclui outros jardins, o Palácio de Yusuf III e o Passeio das Torres.

img_8461
Partal

Em seguida fomos para o outro extremo do complexo, a Alcazaba. Essa é uma das partes mais antigas da Alhambra e que funcionava como área militar do complexo.

Do alto das torres da Alcazaba se tem uma vista super bonita da cidade, especialmente do bairro de Albaicín e suas casinhas brancas.

img_8386
Vista do bairro de Albaicín do alto de uma torre em Alcazaba

De lá fomos sentido os Palácios Nazaríes, mas antes passamos no Palácio Carlos V, que foi construído em estilo renascentista e destoa muito das demais construções do complexo.

img_8431
Palácio Carlos V

Lá dentro funciona o Museu de Alhambra, que expõe objetos encontrados na Alhambra. O ingresso não está incluso no ticket da Alhambra.

Todo esse circuito durou 2h30. Fizemos sem muita pressa, mas a chuva fez a gente dar uma acelerada em alguns pontos. Pra fazer tudo com tranquilidade, pode levar um pouquinho mais de tempo.

Ao lado do Palácio de Carlos V fica a fila de entrada aos Palácios Nazaríes. A cada 15 minutos passa um funcionário avisando o horário do ingresso e conferindo os tickets. É impossível entrar antes do horário agendado e pouco provável que consiga entrar depois também, por isso vale a pena chegar lá uns 10 minutos antes pra aguardar na fila e garantir sua entrada.

Os Palácios Nazaríes são compostos por diversos salões e pátios lindamente decorados com mosaicos.

Os tetos e paredes de arabesco parecem ser rendados, um trabalho que impressiona pela delicadeza.

Um dos grandes destaques lá dentro é o Pátio dos Leões. Infelizmente não conseguimos vê-lo em seu total esplendor, porque além de chover muito nessa hora, havia um grande trabalho de restauração no local.

img_8531
Pátio dos Leões

Quando estiver caminhando por lá, preste atenção numas canaletas de água que percorrem todo o palácio. Naquela época eles já construíram um sistema super moderno de distribuição de água que abastecia todo o complexo.

img_8533
Pátio dos Leões

A água no mundo islâmico é símbolo de pureza e fonte da vida, por isso ela está presente em toda Alhambra.

São muitas fontes, espelhos e canaletas d’água que percorrem os pátios e jardins. Esse sistema de distribuição de água não só irriga as plantas, como também melhora a umidade do ar.

Se tiver mais alguma dúvida ou dica sobre a Alhambra, escreva aqui nos comentários 😉

Melissa

 

Anúncios

1 Comment »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s